quarta-feira, 20 de abril de 2011

Raças (Andaluz)

O Andaluz (altura: 152 a 158cm) é o orgulho dos criadores espanhóis e, no seu país de origem, só ele é considerado ''Pura Raz Española''. Três mosteiros da Ordem dos Cartuxos, localizados na Espanha do século XV, constituem o seu berço. Os monges cartuxos levavam a pureza da raça tão a peito que chegavam a ameaçar com a excomunhão os católicos cujos processos de criação se afastassem do padrão nacional.
É graças aos monges de Jerez, em especial, que se deve a sobrevivência de alguns espécimes desta raça pura no reinado de Felipe III, que ordenara o seu cruzamento com sangue nórdico.

Nos séculos XVI e XVII, o Andaluz foi usado como padreador quase todas as raças equinas da Europa. As éguas e os garanhões das coudelarias reais de Córdova, de Sevilha e de Jerez contribuíram para a criação do Puro-Sangue Inglês, assim como do Napolitano, do Kladrub, do Frederiksborg e do Lippizzaner. Fernando Cortez conquistou parte do Novo Mundo com a ajuda de cavalos Espanhóis, que se tornaram os antepassados do Appaloosa, do Pinto, do Quarter e de muitas outras raças.

Hoje em dia, o Andaluz é criado na região de Jerez de la Frontera. Este animal, de um grande sensibilidade, é extremamente simpático mas fogoso, e dotado de bom carácter, perseverança e humildade.

Cumprimentos,

1 comentário:

  1. Minha raça preferida... Espero que em breve tenha condições de ter um destes!

    ResponderEliminar